Dicas e Inovação

Como preparar parede para pintura com 5 passos práticos

Engana-se quem acredita que para pintar uma parede não existe nenhuma preparação. Para garantir uma pintura de qualidade é importante tomar alguns cuidados antes de aplicar a tinta sobre a superfície. Neste artigo você irá conferir como preparar parede para pintura com dicas simples e passo práticos.

Caso você não seja um profissional com experiência em pintura de paredes é importante estar atento a cada detalhe. Assim, você não terá problemas com sua pintura no futuro.

Além de preparar a superfície da parede para receber a tinta é importante investir em materiais de construção de qualidade. A qualidade final de uma pintura dependerá muito da qualidade da tinta comprada.

Hoje em dia, é fácil encontrar uma tinta de qualidade com preço acessível, o importante é pesquisar bem e adquirir tintas de marcas com qualidade já garantida no mercado.

Além da tinta, você irá precisar de algumas ferramentas de construção. Sem estas ferramentas será impossível realizar todos os serviços. Confira então como preparar parede para pintura.

Ferramentas necessárias para colocar a mão na massa

Para preparar a superfície de uma parede são necessárias as seguintes ferramentas:

  • Rolo de lã para pintura;
  • Braço para rolo de lã;
  • Bandeja para pintura;
  • Espátula de aço;
  • Escova de aço;
  • Desempenadeira de aço;
  • Lixa;
  • Escada;
  • Lona plástica para proteger superfícies e móveis;
  • Pano limpo;
  • Luvas para proteção das mãos.

Um profissional possui todas estas ferramentas e materiais, mas caso você não contrate um profissional você deverá adquirir as ferramentas acima ou conseguir emprestado com algum amigo.

Passo a passo de como preparar parede para pintura

1 – Proteja o chão e os móveis do ambiente que será pintado:

dicas de como preparar parede para pinturaO primeiro passo é proteger todos os móveis e o chão do ambiente que será pintado. Você pode fazer isso utilizando a lona plástica.

Esta proteção servirá para que durante os trabalhos você não danifique nenhum móvel nem o piso do chão que será pintado. Além disso, a proteção irá auxiliar na limpeza final da obra, reduzindo o trabalho após a conclusão dos serviços.

2 – Corrija os defeitos da superfície da parede:

Em seguida será necessário corrigir possíveis defeitos nas paredes. Estes defeitos podem ser:

  • Trincas;
  • Bolhas;
  • Reboco esfarelando;
  • Manchas de óleo ou graxa.

Para eliminar as bolhas e o reboco esfarelando é necessário raspar a superfície com uma espátula ou escovar com uma escova de aço.

As trincas de grandes dimensões também deverão ser tratadas com argamassa similar à utilizada no reboco das paredes. É importante identificar as causas das trincas e manchas de bolor e tratar o problema na origem, senão estes problemas voltarão a ocorrer.

Caso as trinchas sejam menores é possível utilizar gesso para preenchimento das aberturas.

Caso a superfície estejam sujas será necessário lavá-las com detergente e água sanitária.

3 – Aplique o fundo preparador de paredes:

O próximo passo de como preparar uma parede para pintura é aplicar o fundo preparador de paredes ou o selador.

O fundo preparador é indicado para superfícies de gesso, enquanto que o selado é indicado para superfícies com reboco convencional. Em paredes novas é essencial esperar o tempo de cura do reboco, para que não haja reação química entre os materiais. O tempo de cura do reboco é de aproximadamente 30 dias.

4 – Regularize toda a superfície:

Caso você deseje uma superfície bem lisa e uniforme será necessário emassar a parede antes da pintura.

Para emassar as paredes é indicado utilizar a massa corrida para os ambientes internos e secos. Para as superfícies externas e áreas molhadas é indicada a massa acrílica.

Antes de iniciar o próximo passo é necessário aguardar a massa corrida secar.

5 – Lixe e limpe a superfície emassada:

O quinto passo é lixar a superfície que foi emassada. O objetivo é deixar a superfície ainda mais uniforme e lisa para receber a pintura. Após o lixamento é necessário eliminar o pó da superfície com pano limpo.

Estas etapas são fundamentais para garantir uma boa aparência à parede, defeitos no emassamento podem ser percebidos à olho nu.

Agora a superfície da parede já está pronta para receber a pintura desejada. Vale lembrar mais uma vez que uma tinta de qualidade será fundamental para que tudo sai perfeito como você deseja.

Considerações finais

Agora que você aprendeu como preparar parede para pintura é hora de colocar a mão na massa. Caso você identifique problemas na parede como presença de mofo, umidade ou trincas será importante identificar e tratar o que tem causado estes problemas, senão eles sempre acontecerão independentemente da pintura que você faça.

Caso você ainda tenha ficado com alguma dúvida ou quer colaborar com sua experiência, deixe um comentário.

Você também pode compartilhar este conteúdo com seus amigos, é só utilizar uma das redes sociais abaixo.

Forte abraço.

Esse artigo foi útil para você?

Clique nas estrelas abaixo para avaliar!

Avaliação Média / 5. Total de votos:

Como você gostou deste artigo...

Siga-nos nas Redes Sociais!

mm

Eduardo Daldegan é formado em Engenharia Civil pela PUC-MG. É apaixonado por empreendedorismo e hoje trabalha em diversos projetos. É casado e seu maior empreendimento é a construção da sua família.

Você está sem conexão à internet